Imprensa

Home / Imprensa
08/12/20

Fundos de pensão ampliam alocação no exterior e demandam maior limite na regulação

A regulação que rege os investimentos dos fundos de pensão no Brasil veio evoluindo ao longo do tempo para permitir maior alocação. A norma anterior, a Resolução CMN n. 3792/2009 já permitia a aplicação de até 10% do patrimônio dos planos em fundos no exterior. Ela tinha representado um avanço importante da norma anterior, que permitia apenas 3%. Porém, a Resolução 3792 impunha o limite ao fundo de pensão de alocar no máximo 25% das cotas do fundo de investimentos local.

Clique aqui e leia a matéria completa que conta com a participação de Leonardo Ozorio, Diretor de Previdência com foco em Investimentos e Consultoria da LUZ.

Fonte: Panorama da AMEC

11/04/24

Em relação aos três últimos meses do ano passado, o avanço foi de 20%, segundo […]

Fonte: Valor Econômico

19/03/24

A LUZ Soluções Financeiras, referência em soluções para gestão de riscos, investimentos e governança, acaba […]

Fonte: Editora Roncarati